Doutor Jairo
Leia » Digestão

Comer antes de fazer sexo: pode ou não?

Depois das refeições, mais sangue é enviado para o sistema digestivo para agilizar a digestão
Depois das refeições, mais sangue é enviado para o sistema digestivo para agilizar a digestão - iStock

Redação Publicado em 28/04/2021, às 19h00

Depois de um jantar caprichado, aparece a oportunidade de ter uma relação sexual. Será que é necessário esperar a digestão ou pode fazer logo em seguida?

Não tem nenhuma grande restrição para fazer sexo depois de se alimentar. Dependendo da alimentação, pode até dar uma energia extra e mais disposição. 

Além disso, fazer sexo com fome e de barriga vazia também é ruim e, dependendo da duração da relação sexual, é importante estar bem alimentado. Assim, a princípio não há nenhuma contraindicação relacionada a comer antes da transa.

Pesou? Melhor esperar

A única exceção está em casos de uma alimentação mais carregada. Por exemplo, se for um dia muito quente, a comida ingerida é muito pesada – como uma feijoada – e ainda ocorre a mistura com uma pequena dose de álcool. Nessas situações, é provável que role uma preguiça. 

Isso pode acontecer porque existe uma reação normal do organismo depois das refeições que é o transporte de mais sangue para o sistema digestivo, com o objetivo de agilizar a digestão. Portanto, de alguma forma, uma boa parte do sangue do corpo fica comprometida com esse processo e, como efeito, há uma sensação de moleza e sonolência

Assim, depois de uma alimentação muito pesada, a recomendação é esperar algumas horas para ter relações sexuais. Tirando isso, não tem nenhum grande problema em fazer sexo depois de se alimentar. 

Veja também: