Doutor Jairo
Assista » #HappyHourConsciente

Ansiedade pela vacina pode ter impacto no uso de bebidas alcoólicas

Neste episódio de #HappyHourConsciente Dr. Jairo fala sobre os possíveis efeitos da ansiedade pela vacinação
Neste episódio de #HappyHourConsciente Dr. Jairo fala sobre os possíveis efeitos da ansiedade pela vacinação - Arte

Redação Publicado em 05/02/2021, às 17h36

Lidar com a ansiedade em função da chegada da vacina no Brasil pode impactar no consumo de bebidas alcoólicas. As vacinas contra a Covid-19 estão chegando ao Brasil, mas em uma velocidade muito menor do que gostaríamos, por diversos problemas de insumos e distribuição. 

Assim, vivemos, nesse momento, uma situação de apreensão em função dos números muito altos de casos da doença. E, ao mesmo tempo, uma vacina que pode ajudar a frear o ritmo das contaminações está chegando, mas a um ritmo lento.

Além disso, ainda temos a resistência de muitas pessoas em se vacinar em função de muitas fake news que andaram circulando. Vale ressaltar, então, que as vacinas são seguras, já foram aplicadas em milhares de pessoas no mundo todo e o índice de efeitos colaterais é muito baixo, além de serem transitórios. 

É importante lembrarmos que quanto mais pessoas estiverem vacinadas menor será o número de suscetíveis, o que significa que reduzimos a velocidade de transmissão do vírus, o que é muito importante. Desta forma, vacinar-se é uma decisão importante para proteger a si mesmo e a sua comunidade.

Toda essa situação, ainda com a necessidade de manter as recomendações de isolamento e uso de máscaras, gera mais ansiedade nas pessoas. Afinal, ainda estamos vivendo como no ano passado, enquanto grande parte das pessoas tinha a expectativa de que as coisas fossem diferentes neste ano.

Quer receber destaques do site na palma da sua mão? Participe do nosso canal no Telegram!

Válvula de escape

Sabemos que uma das válvulas de escape quando estamos ansiosos é o consumo de bebida alcoólica. Já havíamos percebido no ano passado um aumento do consumo de álcool, tanto em frequência como em quantidade. 

Precisamos, então, enfatizar a importância do beber consciente, para a sua segurança e a dos outros também. Isto porque, quando uma pessoa começa a beber demais, em uma tentativa de aliviar a ansiedade, ela coloca a si mesma e a outras em situações de risco, como a falta do uso de máscaras e o sexo sem proteção, por exemplo. 

Beber em exagero oferece então múltiplos riscos. Se você está ansioso e está com dificuldades em lidar com essa ansiedade, a recomendação é buscar ajuda e suporte com amigos, redes de apoio e profissionais especializados para poder lidar melhor com essa ansiedade. 

Clique aqui também e veja nove "truques" para não perder o controle ao beber