Doutor Jairo
Leia » Saúde mental

Terapia ainda é mais buscada por mulheres do que por homens

Homens sentem mais dificuldade de expor os sentimentos
Homens sentem mais dificuldade de expor os sentimentos - iStock

Redação Publicado em 10/06/2021, às 12h30

Muito se fala sobre a importância de fazer terapia, mas parece que o recado atinge mais mulheres do que homens. A plataforma de terapia on-line voltada para o mercado corporativo, OrienteMe, fez uma pesquisa com 16.620 pessoas, e revelou que, de todos os entrevistados que estão realizando terapias, 70% são mulheres e 24% são homens. 

"Ainda existe um certo bloqueio dos homens em realizar terapia e isso acontece pela questão de expor sentimentos, de como é falar de emoções, de situações difíceis que estão passando pela vida. Grande parte dizem que preferem entender suas atitudes e achar soluções sozinhos e que não precisam de ajuda", afirma Renata Tavolaro, chefe de psicologia da OrienteMe.

Como saber quando é a hora de começar a terapia?

Na verdade, essa é uma pergunta bem complexa e que não há uma resposta única. O cuidado com a saúde mental está cada vez mais em pauta, principalmente em um contexto de pandemia no qual não se pode ter contato com outras pessoas e muitos aspectos da vida acabaram fugindo do controle. 

Confira:

Diferente do que muita gente acha, a psicoterapia é para todos os tipos de pessoa e não apenas para aquelas diagnosticadas com algum transtorno psicológico. Para o terapeuta Jean Von Hohendorff, é preciso desmistificar que “terapia é coisa de louco”. 

A psicoterapia é para todas aquelas pessoas que querem funcionar melhor e procuram um bem-estar maior. Sempre digo que buscar ajuda na terapia é um ato de coragem, porque, querendo ou não, vamos nos deparar com nós mesmos e tentar nos conhecer melhor”, pontuou. 

Assista também: