Doutor Jairo
Assista

Saúde mental dos homens: por que eles não procuram ajuda?

None

Jairo Bouer Publicado em 25/11/2020, às 19h42

Ao longo deste Novembro Azul, falamos da saúde masculina em alguma ocasiões, em especial sobre a importância de ir ao médico com regularidade.

Aproveito o fim do mês para falar especificamente sobre saúde mental. Alguns transtornos mentais são mais frequentes nas mulheres, como é o caso da depressão ou da ansiedade. Isso quer dizer que homens não sofrem com eles? Nada disso! Eles também podem ter esses quadros, sim.

Não é frescura

Para piorar, muitos homens acham que problemas de saúde mental são frescura, e que eles têm de dar conta de tudo sozinhos. Só que não é bem assim.

Alguns transtornos são mais comuns nos homens, como abuso de álcool e drogas, alguns tipos de surtos psicóticos, e homens tendem a morrer mais por suicídio.

Os cuidados com a saúde física já são mais precários entre os homens, mas é preciso que também o cuidado com a saúde mental seja priorizado por eles.

Homens têm uma tremenda dificuldade de falar sobre seus sentimentos, e eles têm redes de apoio mais precárias, o que faz com que sofram sozinhos por muito tempo. Mas é fundamental buscar ajuda.

Se você não está legal, procure a ajuda de uma rede de apoio ou de um especialista. É preciso vencer o machismo e o preconceito, e se cuidar.

Boa sorte! E espero ver vocês mais felizes e mais saudáveis no próximo Novembro Azul.

Saiba mais:

Whindersson Nunes ressalta importância do tratamento da depressão

Machismo que gera violência contra a mulher também leva homens a sofrerem em silêncio