Doutor Jairo
Leia » Celebridade

Luiza Ambiel diz que já ficou seis meses sem sexo; como lidar com isso?

Luiza contou que recebe muitas fotos de seguidoras
Luiza contou que recebe muitas fotos de seguidoras - Reprodução / Instagram

Redação Publicado em 06/05/2021, às 10h36

Luiza Ambiel, que ficou conhecida por integrar o quadro "Banheira do Gugu", entre os anos 1990 e 2000, recentemente concedeu uma entrevista à Quem e falou sobre sua vida pessoal.

A atriz contou que vem recebendo muitos nudes nas redes sociais e quem mais manda são as mulheres. "Recebo pela web: 'Nossa, você está mais bonita hoje', 'o tempo não passou para você', 'como você continua linda'. Mulheres mandam nudes, mais do que os homens hoje em dia".

Porém, isso não significa que Luiza sempre tenha a vida sexual ativa. Ela revelou que já chegou a ficar seis meses sem sexo: "É horrível e detesto. Se pudesse, fazia sexo todo dia, porque eu sinto tesão todo dia."

Como é possível manter uma vida sem sexo?

Antes de falar sobre isso, é importante pensar na qualidade do sexo. Não é porque uma pessoa tem relações todos os dias, que está, necessariamente, aproveitando e tendo prazer.

Logo, embora as pesquisas mostrem que atividade sexual tem um impacto positivo, tanto na saúde emocional – como a melhora do humor – quanto na saúde física, deve-se destacar que isso só vale para quem realmente aproveita o momento.

Se, ao contrário, a pessoa até faz sexo com regularidade, mas não sente prazer e chega a ficar até angustiada ou insegura com a situação, pode ter o efeito reverso e a saúde emocional e física pode ficar comprometida.

Então, principalmente nesse momento de pandemia, em que muita gente não tem um parceiro ou parceira fixa, é preciso ter cuidado, pois, apesar dos benefícios da relação sexual, ainda há muitos riscos.

Por isso, o momento é de se cuidar e esperar mais um pouco. Se a vontade for muita, vale lembrar que a masturbação pode ser independente de outras pessoas e ainda te ajuda a se conhecer melhor. Além disso, investir em brinquedos sexuais também pode ser uma boa dica!

Veja também: