Doutor Jairo
Leia » Saúde feminina

Menopausa pode aumentar o apetite por alimentos gordurosos

Com o aumento de consumo, vem junto o indesejável ganho de peso
Com o aumento de consumo, vem junto o indesejável ganho de peso - iStock

Redação Publicado em 10/06/2021, às 14h00

Já é algo comum acreditar que a mulher irá engordar ao entrar na menopausa, e que isso ocorre por causa do fim da produção de estrogênio, o hormônio feminino elaborado pelos ovários. Porém, um novo estudo feito com camundongos pela Universidade da Flórida Central, nos EUA, aponta um motivo a mais para as mulheres ganharem peso nessa fase: o paladar. 

Diferenças biológicas entre os sexos têm sido foco crescente de interesse na ciência, porém são poucas as pesquisas sobre as diferenças na função gustativa de homens e de mulheres. Os resultados deste estudo, publicado recentemente no American Journal of Physiology-Endocrinology and Metabolism, sugerem que o declínio dos níveis de estrogênio reduz a sensibilidade das papilas gustativas às gorduras, o que impulsionaria a vontade de consumir mais alimentos gordurosos. E o resultado, claro, é o ganho de peso.

Nos experimentos, as fêmeas detectaram ácidos graxos em concentrações mais baixas que os machos, e a presença de estrogênios circulantes aumentou essa aparente sensibilidade ao sabor da gordura.

Esses dados indicam que o aumento de estrogênio circulante no sistema gustativo pode desempenhar um papel significativo na chamada "ativação quimiossensorial", que auxilia na busca de alimento e na percepção de sabor. E isso pode alterar o comportamento orientado pelo paladar. Segundo os pesquisadores, esse sistema desempenha um papel importante no reconhecimento de nutrientes e, portanto, nas escolhas da dieta.

[Colocar ALT]
Pesquisas anteriores já mostraram que o estrogênio desempenha um papel no peso corporal - iStock

Pesquisas anteriores já haviam mostrado que o estrogênio tem papel importante no apetite, na ingestão de alimentos e no peso corporal. Porém, como citado, não há muitos estudos sobre as diferenças entre os sexos no sistema do paladar, que inclui as células das papilas gustativas que respondem aos diferentes sabores (salgado, azedo, doce, amargo, umami e de gordura) e ativam a sinalização hormonal em todo o corpo.

Para Timothy Gilbertson, principal autor do estudo, independente de algumas questões ainda não terem sido respondidas, os resultados podem explicar, pelo menos em parte, por que as mulheres têm mais dificuldade em perder peso após entrar na menopausa. Vale lembrar que os resultados precisam ser confirmados em estudos com seres humanos. 

Veja também: