Doutor Jairo
Leia » Saúde

Andra Day fala sobre vício em pornografia; veja como identificar isso

Andra Day lembra como vício impactou seu trabalho
Andra Day lembra como vício impactou seu trabalho - Divulgação

Redação Publicado em 11/05/2021, às 17h29

Em entrevista recente à InStyle, Andra Day falou sobre seu vício em sexo e pornografia. Indicada ao Oscar 2021 como melhor atriz por seu papel em “Estados Unidos vs. Billie Holiday", ela abriu o jogo sobre sua vida pessoal.

“Eu não queria que Billie fosse retratada de forma sexualizada. Eu tinha acabado de sair de algo na minha vida -- lidei com vício em pornografia, vício em sexo. Estou sendo bem honesta sobre isso, porque sei que não sou a única. Mas eu sabia que queria que tudo isso [a sexualização da personagem] fosse apagado do filme”.

Atualmente, a atriz diz não sofrer mais com o vício e acredita que fez um bom trabalho. "Acho que mostrei a força da feminilidade. Estou em um lugar mais saudável na minha vida, então pude aproveitar melhor [o sucesso do filme], porque me livrei do vício. Tem sido divertido explorar essa outra parte de mim".

Mas como saber quando existe vício em pornografia?

Podemos falar que alguém tem uma dependência ou compulsão quando perde o controle sobre determinado comportamento. 

Muita gente consome pornografia com frequência, por exemplo ao se masturbar. Mas quando o comportamento começa a ocupar um espaço muito grande na vida da pessoa, a ponto de atrapalhar o trabalho, o estudo e os relacionamentos, aí sim podemos falar que existe um problema e talvez pensar em procurar uma terapia.

Veja que ao falar de "dependência de pornografia", estamos falando de algo diferente da dependência de drogas, álcool ou cigarro. Mas o consumo exagerado de pornografia pode, sim, trazer consequências para a vida de uma pessoa, e é legal buscar ajuda se isso estiver acontecendo. 

Veja também: