Pular para o conteúdo

Solidão piorou para os mais jovens?

Jairo Bouer

14/09/2020 09:00




Dúvida da Clara: Jairo, você acha que a solidão piorou para os mais jovens? Eu sinto o meu filho tão sozinho…

Dr. Jairo Bouer: Clara, você sabe que alguns estudos já vinham mostrando pra gente, antes da pandemia, que os jovens relatavam essa sensação de solidão com uma frequência muito maior do que as gerações anteriores.

E isso tem a ver, segundo os pesquisadores, com esse tempo excessivo que eles passam nas redes sociais, que eles passam online. Eles deixam de ter contatos físicos, contatos presenciais com outros jovens, e ficam muito mais tempo nas redes , só que isso acaba fazendo com que eles tenham a falsa sensação que eles estão próximos aos amigos.

Com a pandemia, eu acho que isso se agravou e por quê?

Porque eles não estão conseguindo encontrar, de fato, os seus colegas, os seus amigos, quase nunca. E jovem e criança precisam muitos dessas interações sociais.

O que que acho que você pode fazer: conversar com seu filho, mostrar que essas questões estão te preocupando, estimular a buscar contato com os amigos e um contato um pouco mais profundo, mesmo que à distância. Abrir a câmera – eles vão conversando, eles riem juntos, brincam juntos – só um exemplo do que se pode fazer.

A gente espera que com a flexibilização da quarentena, um pouco mais para frente, essas questões vão melhorar. Mas é importante agir agora.

 

Saiba mais:
Quarentena mudou o comportamento do meu filho; o que fazer?

Jovens sofrem mais com solidão, mostra pesquisa

 
JairoFelicidadeSite - Solidão piorou para os mais jovens?

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS