Doutor Jairo
Leia » Sexo

O que é cringe no sexo? Pesquisa define "conflitos" de gerações

Enquanto os mais velhos preferem transar sem roupas, a geração Z acha normal, por exemplo, fazer sexo de meia
Enquanto os mais velhos preferem transar sem roupas, a geração Z acha normal, por exemplo, fazer sexo de meia - iStock

Redação Publicado em 23/06/2021, às 18h00

Nos últimos dias um debate nas redes sociais entre as gerações Y (nascidos entre 1980 e 1996) e Z (metade dos anos 1990 até 2010) gerou questões sobre o que é ser cringe? O termo é usado para classificar objetos ou pessoas que fazem coisas consideradas “fora de moda”, ultrapassadas e cafonas. 

Tudo começou com um simples questionamento sobre se o café da manhã tinha ou não caído em desuso. Porém, agora a discussão alcançou níveis mais quentes e intimistas: o sexo. Por isso, a Sexlog, rede social de sexo e swing do Brasil, com mais 15 milhões de cadastrados, fez um levantamento com seus usuários para saber o que eles gostam de fazer na hora da transa, principalmente quando ela acontece no inverno. 

Com a chegada dos dias frios, o desejo de se manter cada vez mais perto das pessoas aumenta. Mas qual é a melhor alternativa para que as coisas não esfriem na hora H com a temperatura baixa da estação? Cada geração tem a sua opinião...

Conflito de gerações

Uma das descobertas da pesquisa foi que, dentre as opções mais relatadas, 40% dos usuários considerados da geração Y (Millennials) disseram que a melhor recomendação para transar em dias frios é ficar debaixo da coberta.

Para as outras faixas etárias abordadas no levantamento – de 30 a 60 anos ou mais –, a principal sugestão (42%) envolvia caprichar nas preliminares.

Confira:

Vale usar meia?

Outro ponto que evidenciou ainda mais o conflito de gerações foi o de poder ou não usar a meia na hora do sexo em dias de inverno. Quando perguntados sobre a necessidade da utilização dessa peça, 32% dos entrevistados de 18 a 29 anos (geração Z) contaram que precisam da meia para superar o frio e 26,9% disseram que já usaram. 

Além disso, 22,9% dos usuários dessa mesma faixa etária também revelaram que já recorreram a apenas abrir a calça como recurso para transar em ambientes de temperatura mais baixa. Em contrapartida, 75,5% das pessoas com idade entre 40 e 49 anos declararam que não curtem ter nenhum tipo de vestimenta no corpo durante a relação sexual. 

Veja também: