Pular para o conteúdo

Eletrônico antes de dormir pode ser pior para algumas crianças

Jairo Bouer

23 de junho


Usar aparelhos eletrônicos antes de dormir pode atrapalhar o sono de qualquer pessoa, seja qual for a idade. Além da luz emitida pelas telas, o excesso de informações pode causar agitação demais para quem precisa relaxar. Mas pesquisadores acreditam que o prejuízo pode ser ainda maior para crianças que já tenham alguma dificuldade para controlar o próprio comportamento, uma característica que os psicólogos chamam de “esforço de controle”. Sabe aquelas pessoas que sempre interrompem as outras porque não conseguem esperar a sua vez de falar? Ou que não conseguem deixar para abrir os presentes depois da festa?

Uma equipe da Universidade Estadual do Arizona, nos EUA, acompanhou 547 crianças de 7 a 9 anos de idade, de áreas rurais e urbanas, e com diferentes condições socioeconômicas. Os pais delas preencheram questionários sobre o temperamento dos filhos, além de diários com informações sobre uso de mídias e padrões de sono.

Ao longo de uma semana, os pequenos usaram relógios para rastrear os movimentos e também a exposição à luz ambiente. Os aparelhos forneceram informações detalhadas sobre quanto tempo cada criança havia dormido.

De acordo com os resultados, publicados no periódico Psychological Science, todas as crianças dormiram, em média, 8 horas por noite. As que não usaram eletrônicos antes de ir para a cama dormiram 23 minutos a mais por noite, e adormeceram 34 minutos mais cedo que as outras.

As crianças que apresentaram pontuação mais baixa nos questionários para avaliar a capacidade de auto-regulação foram as mais afetadas pelo uso noturno de eletrônicos – elas dormiram cerca de 40 minutos a menos por noite. As que tiveram pontuação mais alta, ou cerca de 35% da amostra, parecem não tiveram esse tipo de prejuízo.

Para os pesquisadores, crianças com dificuldades para controlar o próprio comportamento podem ter mais dificuldades para mudar o foco e, por isso, levariam mais tempo para se acalmar e adormecer. Como isso é algo que tem a ver com o temperamento, não é fácil de ser modificado. Por isso, a recomendação é ter horários consistentes para o uso de computadores, tablets e smartphones.

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS