Pular para o conteúdo

Spray de oxitocina pode fazer homens consumirem menos calorias

Jairo Bouer

14 de outubro


obesidade300A oxitocina, conhecida como “hormônio do amor” é utilizada há muitos anos como indutora do parto e também para estimular o aleitamento. Mas, recentemente, uma série de estudos têm apontado novas utilidades para a substância, como aplacar a timidez e a anorexia. Agora, uma pesquisa mostra que ela também pode combater a obesidade.

Pesquisadores da Faculdade de Medicina de Harvard, nos Estados Unidos, descobriram que homens ficam com menos desejo de comer gordura e acabam ingerindo menos calorias ao utilizar um spray com o hormônio.

O trabalho envolveu 25 homens jovens e saudáveis. Cerca de metade tinha peso normal e os outros, sobrepeso ou obesidade. Metade do grupo recebeu o spray com hormônio pela manhã, e a outra parte, apenas placebo. Uma hora depois, todos escolhiam o que iam almoçar a partir de um menu, e o número de calorias consumidas por cada um era medido.

Os que receberam a oxitocina consumiram, em média, 122 menos calorias e 9 gramas a menos de gordura em comparação com os que usaram placebo.  E, segundo os pesquisadores, o hormônio também aumentou a utilização da gordura corporal para gerar energia. Nenhum dos dois grupos apresentou efeitos colaterais.

Os dados serão apresentados no encontro anual da Sociedade de Endocrinologia, em San Diego, neste fim de semana. Os autores reforçam que são necessários mais estudos, com mais participantes, para confirmar os resultados e compreender como o hormônio afeta o apetite. Em reportagem no jornal britânico Daily Mail, eles também dizem que é preciso estudar se o efeito é o mesmo para as mulheres.

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS