Pular para o conteúdo

Otimistas têm mais saúde, mostra pesquisa

Jairo Bouer

14 de outubro


SMILE300 - Otimistas têm mais saúde, mostra pesquisaPessoas otimistas têm menos risco de sofrer problemas cardiovasculares, indica um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos.

O trabalho, que contou com mais de 5.100 pessoas de diferentes etnias, concluiu que indivíduos que enxergam a vida com um viés positivo têm o dobro de chances de ter a saúde cardiovascular em ordem do que os mais pessimistas.

A principal autora do estudo, a professora Rosalba Hernandez, conta que a associação foi estatisticamente relevante mesmo depois de isolar fatores sociais e problemas psiquiátricos.

Para avaliar a saúde dos participantes, foram utilizadas as métricas da Associação Americana para o Coração: pressão arterial, níveis de glicose e colesterol, dieta, Índice de Massa Corporal (IMC), prática de atividade física e tabagismo. Cada pessoa recebeu uma nota de 0 a 14 – quanto mais alto o número, mais saudável era o participante. Além disso, todos responderam a questionários que avaliavam o grau de otimismo e outros aspectos psicológicos.

Entre os participantes, que tinham entre 45 e 84 anos, os mais otimistas tinham de 50 a 76% mais chances de apresentar as melhores notas. Eles tinham níveis mais saudáveis de glicose e colesterol, eram mais ativos fisicamente e menos propensos a fumar em relação aos indivíduos considerados menos otimistas.

Os resultados, publicados no periódico Health Behavior and Policy Review, mostram que cultivar bons pensamentos e uma atitude positiva em relação à vida serve de estímulo a hábitos mais saudáveis.

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS