Pular para o conteúdo

Homem de cidade pequena é menos propenso a fazer teste de HIV

Jairo Bouer

14 de outubro


EXAMEDESANGUE700 - Homem de cidade pequena é menos propenso a fazer teste de HIV

Um estudo feito no Canadá mostra que homens que fazem sexo com homens e que vivem em cidades pequenas tendem a se submeter bem menos a testes de detecção do HIV. Ter conhecimento sobre o vírus é fundamental não apenas para se adiar o desenvolvimento da doença, como também para evitar a transmissão a outras pessoas.

Pesquisadores da Universidade de British Columbia entrevistaram 153 indivíduos, abordados em sites de encontros e eventos da comunidade gay. Eles descobriram que 24% dos homens que viviam em cidades pequenas nunca tinham passado pelo exame para diagnosticar o vírus da Aids. Entre moradores das grandes metrópoles, a proporção foi mais baixa, de aproximadamente 15%, mas ainda assim preocupante.

O trabalho também associou a baixa testagem à resistência dos homens em falar sobre sua orientação sexual aos médicos – provavelmente porque, em cidades menores, “todo mundo conhece todo mundo”.

Os resultados foram publicados na revista Aids Care. No Canadá, assim como no Brasil e em vários outros países, homens que fazem sexo com homens representam a maior parte dos infectados pelo HIV. E, por aqui, o cenário tende a ser ainda mais grave nas cidades do interior, já que o acesso aos serviços médicos é mais limitado nesses locais.

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS