Pular para o conteúdo

Estudo associa abuso na infância e tendência a ter enxaqueca

Jairo Bouer

14/10/2019 19:37




dordecabeca700 - Estudo associa abuso na infância e tendência a ter enxaqueca

Pesquisadores descobriram uma associação entre o histórico de abuso (físico, sexual ou emocional) na infância ou na juventude e a tendência a ter enxaquecas na idade adulta.

O trabalho, realizado na Universidade de Toledo, em Ohio, nos Estados Unidos, incluiu dados de quase 14.500 pessoas de 24 a 32 anos, dos quais 14% sofriam desse tipo de dor de cabeça , que também inclui náusea e sensibilidade à luz.

Os resultados mostraram que indivíduos que sofreram algum tipo de abuso na juventude foram 55% mais propensos a sofrer de enxaqueca.

Entre os que tinham a doença, 61% relataram alguma forma de abuso na infância. Já entre os que não tinham enxaqueca, 49% afirmaram ter sido abusados.

Os autores ressalta, contudo, que o estudo não comprovou causa e efeito – ou seja, são necessárias mais pesquisas para entender melhor a ligação entre enxaqueca e abuso.

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS