Pular para o conteúdo

Estudo alerta para aumento do “fumo light” entre mulheres jovens

Jairo Bouer

14/10/2019 19:29




Um estudo norte-americano mostra que um número grande de mulheres jovens tem adquirido o hábito de fumar até cinco cigarros por dia, por acreditar que essa quantidade não faz mal e que a atitude inspira independência.

A pesquisa foi feita com dados de 9.800 garotas de 18 a 25 anos e publicada pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, em inglês) na revista Preventing Chronic Disease.

Para o principal autor, o pesquisador Xiaoyin Li, a indústria do tabaco tem investido em publicidade para atrair esse público. E, segundo ele, há poucos estudos sobre os efeitos que o cigarro, nessas quantidades, pode ter para garotas prestes a alcançar a idade adulta.

O trabalho mostrou que essas fumantes ocasionais têm algumas características em comum com quem fuma muitos cigarros por dia, como a tendência maior a sofrer estresse psicológico e a abusar ocasionalmente de outras substâncias, como o álcool. Apesar disso, elas têm menos sintomas de dependência de nicotina, e nem sempre fumam diariamente.

Do total de participantes, cerca de 41% não fumavam, 28% fumavam mais de 5 cigarros ao dia e, o restante, ou seja, cerca de 3.000 garotas, eram fumantes ocasionais. Os resultados reforçam os achados de outras pesquisas, de que mulheres são mais propensas a apresentarem esse tipo de comportamento, que também traz riscos à saúde.

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS