Pular para o conteúdo

Novembro Azul: por que eles têm pavor do exame de toque?

Jairo Bouer

11/11/2020 07:00




Novembro é o mês de prevenção do câncer de próstata, e um mês com foco na saúde masculina, por isso vamos falar do pavor que os homens têm do exame de toque.

As mulheres fazem seu exame ginecológico pelo menos uma vez por ano, mas eles não querem nem pensar no assunto.

Por que isso acontece?

Nada do outro mundo!

O exame de toque é muito rápido. O médico usa luva e lubrificante, por isso é indolor. Talvez um pouco desconfortável, mas nada do outro mundo!

Porém, por causa do machismo, alguns homens sentem que vão ser “menos homens” ao passar pelo exame. E ainda tem as brincadeiras: “e se o cara gostar? E se sentir prazer?”. Gente, é um exame médico!

Por que é tão importante?

O exame de toque tem uma função específica, que é checar o tamanho e o formato da próstata, que podem indicar uma série de questões.

A partir dos 45 ou 50 anos de idade, a glândula começa a crescer, e isso, muitas vezes, pode atrapalhar a vida do homem.

Além disso, o toque pode detectar transformações que indiquem um processo tumoral, ou seja, o início de um câncer de próstata, o mais comum nos homens depois do câncer de pele não melanoma.

Saiba mais:

Novembro Azul: homem não gosta de ir ao médico

Mário Gomes relata desgaste físico durante tratamento de câncer de próstata

 

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS