Pular para o conteúdo

Com HIV indetectável preciso tomar cuidado no sexo?

Jairo Bouer

9/10/2020 14:15




Dúvida: Dr. Jairo me ajuda, estou com HIV indetectável, posso transmitir o vírus no sexo? Que cuidados devo tomar no tratamento?

Dr. Jairo: Se você tem uma relação suspeita, o que a gente recomenda atualmente é que você procure um serviço de saúde para você fazer o teste o mais rápido possível.

Se esse teste der eventualmente positivo, é fundamental que você inicie e comece o tratamento assim que possível. Com isso, com os esquemas modernos de uso de antivirais que a gente tem hoje, em alguns meses, em dois ou três meses a pessoa passa a ter o vírus indetectável no sangue.

Veja, também, outros vídeos no meu canal no YouTube

O que significa isso? Que o vírus HIV deixa de circular no sangue por ação dos medicamentos, da combinação de medicamentos antivirais que a pessoa está usando.

Se o vírus não circula no sangue, a pessoa não transmite o vírus para outras pessoas, então é o que a gente fala, hoje: indetectável é igual a intransmissível.

Agora isso significa que eu posso fazer sexo sem proteção? Em teoria, se você continuar a fazer sexo sem proteção, você não vai transmitir o vírus HIV, mas eventualmente você pode se infectar com outras ISTs, outras infecções transmitidas pelo sexo, por isso que quando a gente fala hoje em prevenção combinada, quem não quer usar a camisinha precisa discutir com o seu médico a possibilidade de, além do tratamento contra o vírus HIV, fazer testes de tempos em tempos para checar a presença de outras ISTs.

Quanto antes detectar qualquer IST melhor, porque a gente trata e evita a transmissão de uma pessoa para outra.

Então esses são os cuidados mais importantes, mesmo para quem está indetectável.

Agora, qual a importância de a gente manter corretamente o tratamento?

O vírus passa a ser indetectável porque o medicamente está agindo. Se a gente deixa de tomar o medicamento corretamente, esse vírus pode ganhar força, ele pode sair de eventuais reservatórios que ele está e voltar a circular no sangue, e a pessoa corre o risco de começar a ter consequências por conta do vírus HIV e ela pode transmitir para outras pessoas.

Por isso é fundamental você manter o esquema correto de tratamento, aquele que foi indicado pelo médico e, de tempos em tempos, fazer os exames de controle.

Hoje esse é um conceito central, um conceito muito importante. Se a pessoa é indetectável, ela não transmite o vírus e essa também é uma estratégia importante para conter a pandemia ou a epidemia de HIV, já que você diminui os riscos de transmissão.

Saiba mais:
Homens com nível detectável de HIV têm mais comportamento de risco

FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTÍCIAS